Indo pelo seguinte caminho:
(a + b)n, onde a = 2x, b = 1 e n = 9. Como queremos o sétimo termo, fazemos p = 6 na fórmula e comecei a efetuar os cálculos indicados. Temos então:
T6+1 = T7 = C9, 6 . (2x)9-6. (1)6 = 9! /[(9-6)! . 6!] . (2x)3 . 1 = 9.8.7.6! / 3.2.1.6! . 8x3 = 84.8x3 = 672x3.

Portanto o sétimo termo procurado é 672x3.

Como prometido, Newton lhe entregou varias escritas contando suas experiências e explicando como resolver seus problemas, isso passo a passo, para que Icário não tivesse dificuldade em entender. O cavaleiro agradeceu e despediu-se, pois sua viagem estava apenas começando. Saiu e usou mais um pouco da porção que lhe levaria pra o desconhecido, afinal de contas, ao usar porção ela era quem levava o cavaleiro sem ele saber para onde podia ser o lugar. Foi então que ele chegou a uma ilha chamada Samos em 450 a.C. e recomeçou a sua busca a mais um matemático. Porém, ele havia caído em uma aldeia de bárbaros e assim que o viram aquele desconhecido, logo o prenderam e começaram a interrogá-lo. Contou sua historia, mas os bárbaros não acreditaram na historia e o condenou a morte por feitiçaria. Mas Ptolomeu como era muito astuto, pensou em um plano para fugir. Esperou anoitecer e conseguiu escapar, roubou um cavalo e fugiu para a floresta. Os bárbaros começaram perceberam a fuga foi à procura dele e quase o pegaram. Foi então que Ptolomeu mergulhou em um rio e conseguiu escapar. Viajou durante dias ate encontrar uma cidade, em que, já muito cansado, pediu ajuda em uma casa para repousar. Para sua surpresa, morava um homem chamado de Pitágoras.
...